Acontecimentos históricos do dia 6 de Fevereiro

1953 — Chega de mudança  na então vila de General Rondon, o casal Johanna e Adolf Scheguchevski (...)

|| Johanna e Adolf Scheguchevsk com seus filhos.
Da esquerda à direita, ao fundo:  Ervino, Arthur, Albino, Adelina , Walli, Elli  e Alfredo.
Na frente: Ilone, mãe Johanna, Fredolino (no colo), Waldi e pai Adolph.
Imagem: Acervo de Araci Schegucheveski - FOTO 1 --
|| Johanna e Adolf Scheguchevsk com seus filhos.
Da esquerda à direita, ao fundo: Ervino, Arthur, Albino, Adelina , Walli, Elli e Alfredo.
Na frente: Ilone, mãe Johanna, Fredolino (no colo), Waldi e pai Adolph.
Imagem: Acervo de Araci Schegucheveski - FOTO 1 --
|| Henrique Sturm primeiro subprefeito oficialmente nomeado para o então distrito de General Rondon, em foto de 1958. 
Imagem: Acervo Rafael Sturm - FOTO 2 -
|| Henrique Sturm primeiro subprefeito oficialmente nomeado para o então distrito de General Rondon, em foto de 1958.
Imagem: Acervo Rafael Sturm - FOTO 2 -
|| Cópia da Lei nº 3.331/19 que criou o distrito administrativo de Medianeira.
Imagem: Acervo Arquivo Público do Paraná - FOTO 3 -
|| Cópia da Lei nº 3.331/19 que criou o distrito administrativo de Medianeira.
Imagem: Acervo Arquivo Público do Paraná - FOTO 3 -
|| Embarque de Elinore e Rui Zeni no aeroporto de Toledo, no dia 06 de fevereiro, com o destino a Foz do Iguaçu para passar a lua de mel na Argentina.
Da esquerda à direita: Darci de Piratuba, Iria Spier, Dóris Guthof, Rui Zeni, Elinore Zeni, Nilda Spier, Rubens Zeni, Hugo Zeni, Alice Zeni, irmã do Felipe Loureiro e este na sequência e  Harry Feiden.  E de cócoras: Joaquim Américo Gomes.
Imagem: Acervo Marylis Cristina Zeni Kretzmann (Toledo). Identificação de Karin Elizabeth Zeni Lins (Toledo) - FOTO 4 -
|| Embarque de Elinore e Rui Zeni no aeroporto de Toledo, no dia 06 de fevereiro, com o destino a Foz do Iguaçu para passar a lua de mel na Argentina.
Da esquerda à direita: Darci de Piratuba, Iria Spier, Dóris Guthof, Rui Zeni, Elinore Zeni, Nilda Spier, Rubens Zeni, Hugo Zeni, Alice Zeni, irmã do Felipe Loureiro e este na sequência e Harry Feiden. E de cócoras: Joaquim Américo Gomes.
Imagem: Acervo Marylis Cristina Zeni Kretzmann (Toledo). Identificação de Karin Elizabeth Zeni Lins (Toledo) - FOTO 4 -
|| Casal Elfrida e João Rohrer Filhoque chegou de mudança em Marechal Cândido Rondon, em fevereiro de 1966.
Imagem: Acervo Projeto Memória Rondonense - FOTO 5 -
|| Casal Elfrida e João Rohrer Filhoque chegou de mudança em Marechal Cândido Rondon, em fevereiro de 1966.
Imagem: Acervo Projeto Memória Rondonense - FOTO 5 -
|| Vereador José Hermeto Kuhn, em destaque, que assumiu a Câmara Municipal de Toledo, em fevereiro de 1968.
Imagem: Acervo Museu Histórico Willy Barth - FOTO 6 -
|| Vereador José Hermeto Kuhn, em destaque, que assumiu a Câmara Municipal de Toledo, em fevereiro de 1968.
Imagem: Acervo Museu Histórico Willy Barth - FOTO 6 -
|| Jovens rondonenses Maria Aparecida Besen e Valdeci Conrat que casaram em fevereiro de 1988.
Imagem: Acervo do casal - FOTO 7 -
|| Jovens rondonenses Maria Aparecida Besen e Valdeci Conrat que casaram em fevereiro de 1988.
Imagem: Acervo do casal - FOTO 7 -
|| Ato de comunhão dos noivos Maria Aparecida Besen e Valdeci Conrat.
Imagem: Acervo do casal - FOTO 8  -
|| Ato de comunhão dos noivos Maria Aparecida Besen e Valdeci Conrat.
Imagem: Acervo do casal - FOTO 8 -
|| Grupo musical
|| Grupo musical "Os Schiavini" que animou o baile de chopp da Comunidade Católica de Marechal Cândido Rondon, em fevereiro de 1988.
Imagem: Acervo pessoal - FOTO 9 -
|| Pioneiro palotinense Amadeo Piovesan (d) em entrevista para o repórter Roberto Celso Vilela da Rádio Continetal, da citada cidade. 
Imagem: Acervo Celso Becker (Palotina) - FOTO 10
|| Pioneiro palotinense Amadeo Piovesan (d) em entrevista para o repórter Roberto Celso Vilela da Rádio Continetal, da citada cidade.
Imagem: Acervo Celso Becker (Palotina) - FOTO 10
|| Pioneira Rene Assela Schacht com o esposo Seni Edemar Sacht, ela falecida em fevereiro de 1997, e ele, em  fevereiro de 1992.
Imagem: Acervo Clarice Beatriz Schacht Fietz - FOTO 11-
|| Pioneira Rene Assela Schacht com o esposo Seni Edemar Sacht, ela falecida em fevereiro de 1997, e ele, em fevereiro de 1992.
Imagem: Acervo Clarice Beatriz Schacht Fietz - FOTO 11-
|| Paulo Darcy Aquino, ex-morador rondonense, falecido em fevereiro de 2004. 
Imagem: Acervo Marcelo Aquino - São Paulo Capital - FOTO 12 -
|| Paulo Darcy Aquino, ex-morador rondonense, falecido em fevereiro de 2004.
Imagem: Acervo Marcelo Aquino - São Paulo Capital - FOTO 12 -
|| Quadro comparativo de geração de  empregos entre Marechal Cândido Rondon e outros municípios do Oeste do Paraná, entre 2013 e 2017.
Imagem: Acervo o Presente (recorte de edição) - FOTO 13 -
|| Quadro comparativo de geração de empregos entre Marechal Cândido Rondon e outros municípios do Oeste do Paraná, entre 2013 e 2017.
Imagem: Acervo o Presente (recorte de edição) - FOTO 13 -
|| Entardecer em Marechal Cândido Rondon, em 06 de fevereiro de 2022, com esplendor do reflexo no sol nas partículas de cinzas lançadas na extratosfera pela explosão do vulcão submarino na ilha de Tonga, no Pacífico Sul, em 15 de janeiro de 2022.
Imagem: Acervo e crédito da pioneira rondonense Ilda Bet - FOTO 14 -
|| Entardecer em Marechal Cândido Rondon, em 06 de fevereiro de 2022, com esplendor do reflexo no sol nas partículas de cinzas lançadas na extratosfera pela explosão do vulcão submarino na ilha de Tonga, no Pacífico Sul, em 15 de janeiro de 2022.
Imagem: Acervo e crédito da pioneira rondonense Ilda Bet - FOTO 14 -
|| Quadro demonstrativo de geração de empregos, de 2013 a 2017, nos municípios da microrregião de Marechal Cândido Rondon.
Imagem: Acervo O Presente (recorte de edição) - FOTO 15 -
|| Quadro demonstrativo de geração de empregos, de 2013 a 2017, nos municípios da microrregião de Marechal Cândido Rondon.
Imagem: Acervo O Presente (recorte de edição) - FOTO 15 -
|| Casal Otília Anilda e Reinoldo Wolfart  com os filhos, da esquerda à direita: Eugênio José, Lúcia Maria, Helio Aluísio, Protásio Antônio. Nelson Inácio e Leni Maria. 
A mãe  falecida em fevereiro de 2007 e pai em fevereiro de 2022.
Imagem: Acervo Protásio Antônio Wolfart - FOTO 16 -
|| Casal Otília Anilda e Reinoldo Wolfart com os filhos, da esquerda à direita: Eugênio José, Lúcia Maria, Helio Aluísio, Protásio Antônio. Nelson Inácio e Leni Maria.
A mãe falecida em fevereiro de 2007 e pai em fevereiro de 2022.
Imagem: Acervo Protásio Antônio Wolfart - FOTO 16 -
|| Tradicional jardim de flores com lindas imagens no Show Rural Coopavel. Esta é a vista do parque tecnológico a partir da caixa d'água.
Este ano, 2023,  o mapa do Brasil destaca o Estado do Paraná e sua principal riqueza, que são as araucárias, vistas aqui em meio às plantações. A cidade de Cascavel também aparece ali, com flores alaranjadas.
Imagem: Acervo, crédieto e legenda de Julio Szymansky (Cascavel) - FOTO 17 -
|| Tradicional jardim de flores com lindas imagens no Show Rural Coopavel. Esta é a vista do parque tecnológico a partir da caixa d'água.
Este ano, 2023, o mapa do Brasil destaca o Estado do Paraná e sua principal riqueza, que são as araucárias, vistas aqui em meio às plantações. A cidade de Cascavel também aparece ali, com flores alaranjadas.
Imagem: Acervo, crédieto e legenda de Julio Szymansky (Cascavel) - FOTO 17 -
|| Painel (1ª parte) das últimas tres safras no Paraná, publicado na Boletim Informativo do Sistema FAEP/SENAR-PR -edição fevereiro 2023 - FOTO 18 -
|| Painel (1ª parte) das últimas tres safras no Paraná, publicado na Boletim Informativo do Sistema FAEP/SENAR-PR -edição fevereiro 2023 - FOTO 18 -
|| Painel (parte final) das últimas tres safras no Paraná, publicado na Boletim Informativo do Sistema FAEP/SENAR-PR -edição fevereiro 2023 - FOTO 19 -
|| Painel (parte final) das últimas tres safras no Paraná, publicado na Boletim Informativo do Sistema FAEP/SENAR-PR -edição fevereiro 2023 - FOTO 19 -
|| Pôr do sol no município de Marechal Cândido Rondon, em 06 de fevereiro de 2023, em imagem clicada pela rondonense e pioneira Ilda Bet - FOTO 20 -
|| Pôr do sol no município de Marechal Cândido Rondon, em 06 de fevereiro de 2023, em imagem clicada pela rondonense e pioneira Ilda Bet - FOTO 20 -
|| Ciclistas rondonenses do grupo Corujas Bikers em giro na noite de 06 de fevereiro de 2023, com Lua Cheia.
Imagem: Acervo e crédito de Adriano Kotz - FOTO 21 -
|| Ciclistas rondonenses do grupo Corujas Bikers em giro na noite de 06 de fevereiro de 2023, com Lua Cheia.
Imagem: Acervo e crédito de Adriano Kotz - FOTO 21 -
|| Começo do final da tarde no município de Marechal Cândido Rondon, em 06 de fevereiro de 204.
Cena clicada no distrito rondonense de Porto Mendes, desde o Clube Náutico.
Imagem: Acervo e crédito da pioneira rondonense Ilda Bet - FOTO 22 -
|| Começo do final da tarde no município de Marechal Cândido Rondon, em 06 de fevereiro de 204.
Cena clicada no distrito rondonense de Porto Mendes, desde o Clube Náutico.
Imagem: Acervo e crédito da pioneira rondonense Ilda Bet - FOTO 22 -

1953 — Chega de mudança  na então vila de General Rondon, o casal Johanna (nascida Jeske) e Adolf Scheguchevski (ambos imigrantes russos-alemães), na companhia dos filhos e amigos, procedente da Linha 28, município de Ajuricaba (RS). -- FOTO 1 --

O filho Ervino em texto redigido:
 

"A família Scheguschevski, que residia em Linha 28, no interior de Ajuricaba (RS) resolveu transferir residência para a vila de General Rondon, no Paraná. No dia 26 de Janeiro de 1953 foi a despedida na Igreja Batista de Linha 28, na qual a família congregava. No dia 27 foi carregada a mudança e começou a viagem rumo ao Paraná.

Depois de 11 dias em cima de um caminhão, chegamos no dia 06 de fevereiro, ao anoitecer, ao destino desejado: vila de General Rondon, no Paraná, hoje município de Marechal Cândido Rondon. Roteiro da viagem: Saindo de Linha 28, passando por Sarandi, Ronda Alta, Nonoai, Chapecó, Xaxim, Xanxerê, Clevelândia, Pato Branco, Laranjeiras do Sul, Cascavel, Toledo, Marechal Cândido Rondon. A demora da viagem foi por causa da muita chuva que caía e havia naquele tempo algo chamado "pau do governo", fiscal de estradas, que simplesmente trancava a estrada e nenhum caminhão passava até que a estrada estivesse enxuta e assim não era estragada pelo trafego de caminhões em dias de lama. Além disso, havia muitos morros que o caminhão não subia com toda a carga e as pessoas desciam para aliviar a carga e subiam a pé. O caminhão em que viemos era um Dodge de propriedade de Alberto Pydd. O motorista foi Adolf Albrecht. Em cima do caminhão veio a mudança, quatro vacas, algumas galinhas e 16 pessoas. Isso em um caminhão aberto! Seria possível hoje, tal aventura?

As pessoas que se encontravam no caminhão nessa viagem eram o pai, Adolf Scheguschevski, a mãe, Johanna, a filha Elli, recém casada e seu esposo Valdemar Bubans; os filhos Ervino, 14 anos, Valdi, 11 anos, Loni, 8 anos e Fredolino, 4 anos. Além da família, estavam também Julio Vengrat e seu filho Alfredo, mais três empregados; Emilio Kublik, uma pessoa chamada Lindolf, o dono do caminhão, Alberto Pydd, e Adolf Albrecht, o motorista. Em Marechal Rondon havia na época um pouco mais de 50 casas. Não havia hospital nem médico. Tinha somente uma farmácia e uma farmacêutica, porém havia muitas cobras nesse sertão.

A avenida Maripá estava aberta apenas até a altura do mercado Ruzza (Avenida Maripá esquina com a Rua São Paulo).  Daí em diante tinha só um carreador no meio da floresta. No local onde hoje está a Primeira Igreja Batista, o mato foi derrubado por meu irmão Arthur, Kurt Henke e o primeiro padeiro (não lembro o nome¹), para ali se construir o primeiro templo da Primeira Igreja Batista.

Curiosidade hoje pouco conhecida: No ano de 1953, meu irmão Arthur e Kurt Henke foram fazer alistamento militar em Guaíra. Para isso foram de bicicleta até Porto Mendes. Dali em diante existia uma linha de trem para se chegar até Guaíra. Essa linha de trem só funcionava entre Guaíra e Porto Mendes. Não havia estrada por terra até Guaíra nessa época. As embarcações es traziam mercadoria de São Paulo para Guaíra e lá essas mercadorias eram carregadas no trem até Porto Mendes onde foram novamente carregadas em navios e iam rio abaixo. Não sei o destino nem sei quem eram os transportadores e nem o que era transportado, mas existia um grande investimento nesse transporte em razão das Sete Quedas que impediam as embarcações de continuarem a sua viagem. Nos anos 60 esse trem parou de funcionar e com isso tambem desapareceu tudo o que fazia parte dele. Desde lá, muitos anos se passaram, muita coisa mudou e há muitas histórias para contar!"(S. Araci. [mensagem pessoal]. Mensagem recebida por pesquisa@memoiriarondonense.com.br, em 26.01.2020).

___________________________________

1956 — Chega de mudança na cidade de Toledo (PR) o contador e professor universitário Jadyr Cláudio Donin e família, procedente de Nova Prata, Rio Grande do Sul (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 31).

___________________________________

1957 — É nomeado pelo Decreto Municipal nº 12/1957, da Prefeitura Municipal de Toledo, o sr. Henrique Afonso Sturm¹ como  primeiro subprefeito do então distrito de General Rondon (Revista Região. Empreendedores Pioneiros de General Rondon.  Marechal Cândido Rondon: ano XII, nº  101, julho de 2011). -- FOTOS 2 e 3 --
 

¹Antes da nomeação de Henrique Sturm,  exerceu gratuitamente a função de subprefeito o senhor José Roberto Feiden. Assumiu o cargo em 1953 (nota do pesquisador)

___________________________________

1958 — Pela Lei nº 3.551 é criado o distrito administrativo de Medianeira (transformado em município em 25 de julho de 1960 e divisa com o município de Marechal Cândido Rondon). E pela Lei nº 3.550, da mesma data, é criado o distrito administrativo de Gaúcha (anos mais tarde transformado no município de Matelândia. Os dois distritos integravam o território do município de Foz di Iguaçu (nota do pesquisador).

___________________________________

1958 — Casam-se na cidade de Marechal Cândido Rondon (PR), os jovens Elinore Gutthof¹ e e Rui Zeni (ele morador em Toledo, PR). O casal fixou residência na cidade de moradia do noivo (colaborou Marylis Cristina Zeni Kretzmann - neta). -- FOTO 4 --
 

¹ Foi professora do primeiro jardim de infância da cidade de Marechal Cândido Rondon (nota do pesquisador).

___________________________________

1962 — O vereador Heitor l. Angeli, da Câmara Municipal de Dionísio Cerqueira(SC), lança manifesto para a criação do Estado do Iguaçu. O texto é apontado como primeiro documento oficial do movimento pela criação do novo ente federativo (o que foi frustrado pelo Congresso Nacional): 


"Basta de implorar auxílios, Chega de pedir esmolas. Temos condições próprias para o nosso próprio progresso, seremos maiores. As verbas arrecadadas serão aplicadas na própria fonte; nossas principais rodovias serão asfaltadas, edificar-se ao prédio escolares e serão criadas universidades, será possível a construção de hospitais e postos de saúde, em cada cidade um aeroporto , e não teremos mais problemas de distância; as cascatas de nossos caudalosos rios serão transformadas em fontes de energia elétrica, aumentando as indústrias e incrementando o progresso; a agricultura terá um amparo efetivo, e o agricultor auxílio técnico e financeiro. Nosso Estado será um dos mais ricos do País, seremos o celeiro dos demais" (corrigiu-se os erros de digitação) (Rondon Hoje. Marechal Cândido Rondon: Editora Independente Ltda., Anto I, nº 23, ed. 21 a 29 de dezembro de 1977, p. 6).


Existiu uma proposta anterior de criação de Estado do Iguassu, na década de 1930, numa composição territorial diferente.  A pretensão era tornar independente o território do ex-Contestado. O engenheiro Epaminondas Amazonas, um dos líderes do movimento pró-emancipação, detalhou como seriam as linhas territoriais do novo estado:
 

"Contando com recursos de vida propria, toda a renda que fôr arrecadada pelo Estado do Iguassú será appplicada em seu exclusivo benefício,incentivando a prosperidade de toda a região, que é das mais promissoras do paíz, mas cujas rendas até hoje não tem sido nella empregadas em correspondencia com a arrecadação effectuada annualmente. Tera por capital a cidade do Porto da União da Vitória, com 20.000 habitantes no progressista municipio desse nome. Os outros municipios  serão: Cruzeiro (atual Joaçaba, grifo nosso), Chapecó, Palmas, Clevelandia, Canoinhas, Mafra, Itayopolis, Curitybanos e Campos Novos, com as mesmas divisas actuaes. Farão limite do Estado Iguaçu: ao Norte e o Rio Negro, desde a confluencia do Rio Preto até a sua fóz, no Iguassú e por este abaixo até o encontro do Rio Santo Antonio, ao Sul o Rio Canoas, desde o desague do Rio das Águas Pretas até o Rio Urugaui e por este, a jusante, até o Peperyguassú. A léeste o rio das Aguas Pretas, de fóz a nascente, na Serra Geral. A linha de cumeada desta a serra do Espigão até as cabeceiras do Rio Preto. Este abaixo, até a sua confluencia no Rio Negro. A Oeste, Peperyguassú e Santo Antonio, e pela linha Secca que liga as nascentes de taes rios. Esses accidentes geographicos dividirão o novo Estado respectivamente dos de Paraná, Santa Catarina, Santa Catarina e da República Argentina, cujas fronteiras serão melhor zeladas e defendidas" (O Dia. Curitiba: nº 2.151, ed. 09 de janeiro de 1931, p. 8 - Biblioteca Nacional Digital). 

___________________________________

1966  Chega de mudança em Marechal Cândido Rondon (PR), Elfrida Thölken¹ e João Roher Filho², recém casados, procedentes de Treze Tílias (SC). Fixam residência em Esquina Guaíra, em propriedade rural de um parente.

João Roher com ampla habilidade em ferraria e torno, começou trabalhar como Joseph Wenzel³, imigrante da antiga Iugoslávia, que mantinha oficina com essas especialidades, em Marechal Cândido Rondon. Depois de vários foi convidado para trabalhar na Casa Rieger ao começar com revenda dos tratores Valmet e tempo depois das colheitadeira Claas (colaborou Elfrida e João Rohrer Fº). -- FOTO 5 --
 

¹ É filha do casal Erna Klaumann e Heinrich Thölken (imigrante alemão quando criança).
 

² Filho do casal, imigrantes do Tirol, Áustria, para Treze Tílias, Ana Fill e João Rohrer.
 

³ Fez parte do grupo de imigrantes alemães, denominados de "Suábios do Danúbio", que se estabeleceram na Colônia Entre Rios, Guarapuava (PR). Sem opções de atividade econômica na localidade, Joseph Wenzel veio trabalhar com Assis Gurgacz, em Cascavel, que começava no ramo de transporte coletivo (empresa Eucatur). Com forte presença de descendentes de alemães em Marechal Cândido Rondon, o imigrante migrou para esta cidade.

___________________________________

1967 — É nomeado o professor Odilo Rex como subprefeito do distrito rondonense¹ de Margarida (nota do pesquisador). 
 

¹ Gentílico do município de Marechal Cândido Rondon (PR).

___________________________________

1967 — Chega à cidade de Toledo o arcebispo de Curitiba, Dom Manuel da Silveira D'Elboux, delegado papal, e o bispo Dom Inácio Krause,  como Administrador Extraordinário, para proceder a instalação da diocese, criada em 20 de junho de 1959 pela bula papal "Cum Venerabilis".

Em cerimônia simples, na presença do clero, autoridades civis e a população, o purpurado arquidiocesano fez a apresentação e leitura do decreto de instalação, firmado pelo Núncio Apostólico no Brasil, Dom Armando Lombardi; e de nomeação de D. Krause como Administrador Apostólico da nova diocese, função que exerceu até 11 de setembro daquele mesmo ano, data de posse do primeiro bispo, D. Armando Cirio (CAPELESSO et allii. Dom Armando Cirio — Apóstolo e Missionário do Oeste do Paraná. Cascavel: Editora Coluna do Saber, 2010, 1ª ed., p. 53).

___________________________________

1968 — É empossado como presidente da Câmara Municipal de Toledo (PR), o vereador José Hermeto Kuhn (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 32). -- FOTO 6 --

___________________________________

1972 — É fundado o Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Palotina (PR) (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 32).

___________________________________

1976 — Começa a circular o jornal Tribuna do Oeste, com sede de Toledo (PR), de periodicidade semanal (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 32).

___________________________________

1977 — As equipes de futebol de salão e de vôlei feminino da AACC viajam a cidade de Maringá para um intercâmbio esportivo de dois dias, com a associação dos funcionários da Cooperativa de Cafeicultores de Maringá (COCAMAR).

___________________________________

1978 — É liberada ao trânsito a primeira via pavimentada - a Travessa Gaúcha - no Núcleo Habitacional Itamaraty - BNH 1, na cidade de Marechal Cândido Rondon (Rádio Difusora Rondon. Frente Ampla de Notícias. Marechal Cândido Rondon: vol. 41, de 16.01.1978 a 23.02.1978). 

___________________________________

1988 — Casam-se os jovens rondonenses Maria Aparecida Besen e Valdeci Conrat, ambos moradores em Vila Curvado, em celebração oficiada pelo padre José Garibaldi, SVD, na Matriz Católica Sagrado Coração de Jesus, de Marechal Cândido Rondon (PR).

Ela filha do casal Catarina (nascida Schmitt) e Abelino Jacó Besen; e ele filho de Luiza (nascida Petry) e Laurentinos Conrat (nota do pesquisador). -- FOTOS 7 e 8 --
 

Saber mais, clique aqui.

__________________________________

1988 — Acontece o tradicional baile de Chopp da Matriz Católica Sagrado Coração de Jesus, de Marechal Cândido Rondon, em seu pavilhão de eventos. O baile é animado pela grupo musical  "Os Schiavin", da cidade de Concórdia (SC).

A novidade da noite é o lançamento do chopp da marca Kaiser na cidade (WIEDMER, Ronaldo Luiz. Panorama. Marechal Cândido Rondon: Rádio Difusora do Paraná, vol. 014, cad. janeiro e fevereiro 1988, fls. 222). -- FOTO 9 -- 

___________________________________

1988 — "Amadeo Piovesan, pioneiro, comprador do 1º tratar de Palotina (PR) e vice- presidente da Coopervale (agora C-Vale, grifo nosso), afirma que a agricultura está inviabilizada no Brasil. "Seo Oeste do Paraná tivesse de ser desbravado hoje, nenhum agricultor seria louco a ponto de investir na compra de terra, derrubada de mata e aquisição de máquinas", protesta" (COSTA, Luiz Alberto Martins da. Calendário Histórico de Toledo — Cronologia de Fatos, Registros e Curiosidades da História do Município de Toledo. Toledo: GFM Gráfica & Editora, 2009, p. 32). -- FOTO 10 --

___________________________________

1997 — Falece a senhora Rene Assela (nascida Martens) Schacht, pioneira do distrito de São Roque, município de Marechal Cândido Rondon, onde chegou de mudança em 17 de março de 1960, na companhia do esposo Seni Edemar Sacht (falecido em 27 de fevereiro de 1992) e dos filhos Lauri Acadio, Dario¹ e Clarice Beatriz, procedente de Horizontina (RS). 

 O casal Schacht, respectivamente, em suas datas de falecimento, foram sepultados no cemitério público da sede distrital de São Roque (colaborou Clarice Beatriz, filha). -- FOTO 11 --
 

¹ Faleceu em 06 de janeiro de 1962 e foi a primeira pessoa a ser sepultada no cemitério da sede distrital de São Roque. 

_________________________________

2004 — Falece na cidade de Pelotas (RS), o ex-morador rondonense Paulo Darcy Aquino. Veio de mudança para Marechal Cândido Rondon em fevereiro de 1978 e retornou ao Rio Grande do Sul, em agosto de 1992.

Na cidade de Marechal Cândido Rondon instalou a primeira clínica de fisioterapia, localizada a Rua Sete de Setembro, entre as Ruas São Paulo e Paraná, onde hoje (12.08.2019), em espaço novo construído, está a administração local da Unimed. Paralelamente a atividade de fisioterapeuta, o ex-morador foi uma pessoa muito envolvida com o esporte local. Em várias temporadas foi o técnico da seleção municipal de futebol de campo. 

Paulo Darcy Aquino era natural de Jaguarão (RS), onde nasceu em 11 de novembro de 1927, filho de Maria Otília (nascida Soares) e Benjamin Constant Aquino. Era casado com Cenira Piraine San Martin (colaborou Marcelo Aquino - São Paulo capital). -- FOTO 12 --

___________________________________

2015 — O Presidente da Federação do Comércio do Paraná, sr. Darci Piana, visita a unidade do Sistema de Marechal Cândido Rondon (O Presente).

___________________________________

2015 — São inauguradas as academias ao ar livre no Bairro Ana Paula, Bairro Alvorada e Bairro Itamaraty, na sede municipal de Marechal Cândido Rondon (O Presente). 

___________________________________

2018 — Matéria publicada pelo jornal O Presente revela que a geração de empregos em Marechal Cândido Rondon ficou negativa em relação ao ano de 2017, com abertura apenas de 268 novos postos de trabalho (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 06 de fevereiro de2018, p. 14 e ed. 09 de fevereiro de 2018, p. 18 e 19). -- FOTOS  13 e 14 --

___________________________________ 

2018   Durante evento realizado em ambiente do Show Rural Coopavel, na cidade de Cascavel, a Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (AMOP) concede ao governador Beto Richa o título de "Amigo do nosso Povo", justificando a homenagem como forma de agradecimento pela sua ação em favor do povo oestino (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 09 de fevereiro de 2018, p.12).

___________________________________

2018 — Reassume o governo municipal de Pato Bragado, o prefeito municipal Leomar (Mano) Rohden, após período de férias, em que foi substituido pelo vice-prefeito Dirceu Anderle (O Presente. Marechal Cândido Rondon: ed. 09 de fevereiro de 2018, p. 13).

___________________________________

2018  A Adetur - Cataratas e Caminhos lança a campanha institucional e publicitária do 6º Circuito Regional de Ciclismo, temporada 2018 (nota do pesquisador).

___________________________________

2022 — Falece o rondonense Reinoldo Wolfart, morador na Linha Ajuricaba, aos 98 anos, de causas naturais. Seu corpo foi sepultado no cemitério público da cidade de Marechal Cândido Rondon, junto aos restos mortais de sua esposa Otília Anilda¹ (nascida Horn) Wolfart, falecida em 16 de fevereiro de 2007.

O casal formou família com o nascimento dos filhos  Nelson Inácio (nascido em 02.06.1953 e morador em Entre Rios do Oeste, em 2022), Leni Maria Hoelscher (nascida em 26.09.1955, residente em São José das Palmeiras em 2022), Lucia Maria Melz (nascida em 19.12.1956, moradora em Santa Helena em 2022),  Seno Francisco (nascido em 06.05.1959 e morador em Nova Candelária, RS), Protásio Antonio (nascido em 12.06.1970 e morador em Entre Rios do Oeste em 2022), Hélio (nascido em 30.11.1961, residente em Curitiba em 2022) e Eugênio José (nascido em 31.07.1963 e morador na Linha Ajuricaba, em Marechal Cândido Rondon).

Reinoldo Wolfart era natural de Montenegro (RS), nascido em 21 de outubro de 1923, filho de Elizabeth (nascida Kuhn) e Theobaldo Wolfart² (colaborou Protásio Antônio Wolfart). -- FOTO 15 --
 

² Seus pais: Elizabeth Müller e João Wolfart. 

___________________________________

2022 — O domingo amanhece em Marechal Cândido Rondon (PR) com neblina que se dissipa no transcorrer da manhã. O restante do dia é tempo sem nebulosidades, com sol pleno, após os dias anteriores de chuvas intensas. Ventos do quadrante Sudoeste, moderados. Temperaturas amenas, entre 19 e 29 graus (nota do pesquisador). -- FOTO 16 --

___________________________________

2023 — Começa na cidade de Cascavel (PR) e termina no dia 10, o Show Rural 2023, organizado e promovido pela Cooperativa Agropecuária Cascavel Ltda. (COOPAVEL)  (nota do pesquisador).  -- FOTO 17 --

___________________________________

2023 — Editores e jornalistas da revista "Boletim Informativo, da Federação da Agricultura do Estado do Paraná (FAEP), começa o "Giro Safra" por cinco regiões produtoras do Estado, para levantamento do andamento da safra 2022/23. A viagem que foi encerrada no dia seguinte de 10 de fevereiro, passou pelas regiões de Guarapuava, Cascavel, Campo Mouirão, Maringá e Tibagi.

O resultado da constatação e outros dados forma publicados no referido informativo, na edição de 16 de fevereiro de 2023 (Boletim Informativo — Sistema Faep. Curitiba: Ano XXXVIII, nº 1580, p. 6 a  9). -- FOTOS 18 e 19 --

____________________________________

2023 — A Cooperativa Agroindustrial Copagril, com sede central na cidade de Marechal Cândido Rondon (PR), começa a pagar ao quadro de associados as sobras financeiras de 2022, como aprovadas na Assembleia Geral Ordinária de 31 de janeiro anterior.

A sobra financeira foi de R$10.916.696,00. Sobre esse pagamento a cooperativa distribuiu a seguinte nota às mídias sociais: 
 

Distribuição das sobras da Copagril exercício 2022 injeta quase 11 milhões na economia regional.

Desde a última segunda-feira dia 06 de fevereiro, a Copagril começou a pagar aos seus associados as sobras financeiras do ano passado, já apresentadas e aprovadas na Assembleia Geral Ordinária. No total, o resultado financeiro da cooperativa chegou a R$ 10.916.696,00. Esses números englobam as intercooperações com Lar na avicultura e também com a Copacol na produção de peixes.
Conforme o Presidente da Copagril Elói Podkowa, o resultado não foi o esperado, especialmente porque tivemos em 2022 frustrações de safras e mesmo assim o pouco que foi colhido apresentou qualidade ruim de grãos em razão das estiagens. Conforme Elói, a severa crise da suinocultura também contribuiu para o resultado do exercício financeiro passado. Ele ressaltou que foi um ano muito difícil, com grandes desafios e obstáculos, mas, mesmo assim, conseguimos garantir aos nossos associados um bom resultado.
Uma parte dessas sobras já foram diluídas ao longo dos últimos meses, a saber; Prodaf, FCGR, Devolução Cota Capital e Granotop, totalizando R$ 2.697.853,00. Mas a maior parte destes quase 11 milhões começaram a ser pagas desde o dia 06 de fevereiro, nas unidades da Copagril.
Os associados recebem essas sobras de acordo a proporcionalidade dos produtos entregues e faturados, aos produtos agropecuários e mercadorias adquiridas junto a cooperativa e ainda um percentual adicional de premiação à fidelidade aqueles que comercializaram na totalidade com a Copagril.
Com as incertezas na política econômica do País, além de um início de ano com diversos compromissos para grande parte da população, esses recursos têm um significado especial, injetando na economia regional uma boa e nova perspectiva de negócios e circulação. 

A distribuição das sobras aos associados é um dos grandes diferenciais do cooperativismo. O que nas empresas tradicionais representa o lucro, no sistema cooperativista é entregue proporcionalmente a cada associado. Para a grande maioria dos produtores rurais as sobras têm grandeimportância e significado, pois acrescentam muito a sua atividade.


____________________________________

2023 — A segunda-feira amanhece na cidade de Marechal Cândido Rondon com nebulosidade dispersa tipo stratocumulus altostratus. Após o meio-dia formação de nuvens tipo stratus e cumulus. Ao final da tarde presença de nebulosidade tipo cirrostratus. Não ocorreram precipitações pluviométricas. Ventos do quadrante Sudoeste, principalmente no período vespertino, fracos. Temperaturas entre 26 e 35, esta última com sensação térmica de 39 graus. -- FOTOS 20 e 21 --

A noite para o dia seguinte é marcado pela entrada na atmosferia de um meteoro (considerado um bólido grande), fenômeno observado em vários municípios da Região Sul, pelo forte clarão provocado. Moradores do Oeste do Paraná relatam, que após a queda do objeto espacial, também houve um forte estrondo e tremores (nota do pesquisador).


Assistir vídeo (clique aqui) gravado por câmara de segurança e que mostra a iluminação provocado pelo meteorito (Acervo Olhar Digital). Assistir outro vídeo (clique aqui) filmado na cidade de Foz do Iguaçu por equipamento da SSC Foz do Iguaçu (todos os criditos consignados à empresa). 

___________________________________

2024 — É terça-feira. O dia amanhece com temperatura de 23 graus e ventos do quadrante Nordeste, brisa. Céu parcialmente encoberto com nebulosidade identificada como cirrus. À tarde, ocorrem formações de nuvens tipo cumulonimbus à leste do município de Marechal Cândido Rondon, as quais provocam chuvas pontuais e de intensidade irregular na cidade e na banda oriental do município.

A temperatura máxima do dia atingiu os 37 centígrados com sensação térmica de 39° Celsius (aferição feita via atplicativo digital AccuWeather (nota do pesquisador). -- FOTO 22 --

___________________________________

Compartilhe

COMENTÁRIOS

Memória Rondonense © Copyright 2015 - Todos os direitos reservados